Quando um estudante está na graduação se preparando para o futuro, ele houve muitas coisas sobre a competitividade do mercado. Algumas pessoas afirmam que as melhores vagas ficam com os mais preparados, outros dizem que somente a graduação não garante colocação profissional.

Com isso, vem a ansiedade e muitos querem dar inicio na sua pós-graduação antes mesmo de terminar a graduação. Desta forma, acreditam que vão estar um passo à frente e que estarão mais preparados para o mercado. Mas, será que é possível fazer pós-graduação antes de terminar a faculdade? Leia este post e descubra.

Pós graduação junto com a graduação é permitido ou não?

Existe uma pergunta muito comum entre estudantes prestes a concluir a graduação: “Posso iniciar a minha Pós-Graduação antes de terminar meu curso de nível superior? ”. A resposta dada pelo MEC é clara: não. Apesar de ser válido o interesse pela formação continuada, é preciso saber que a Pós-Graduação é o passo a percorrer depois de concluir a sua Graduação.

O parágrafo 3º da Resolução N° 1, de 8 de junho de 2007 do Ministério da Educação – MEC determina claramente que o curso de pós-graduação só pode ser iniciado após a colação de grau em nível superior: “§ 3° Os cursos de pós-graduação lato sensu são abertos a candidatos diplomados em cursos de graduação ou demais cursos superiores e que atendam às exigências das instituições de ensino”.

Mas, infelizmente você vai precisar controlar a sua ansiedade e terminar a sua graduação, pois no ato da inscrição o setor pedagógico solicita todas as suas documentações incluindo o diploma de graduação ou certificado de conclusão.

E se for a segunda graduação com pós?

Como você já deve ter percebido ao longo da leitura, para conseguir começar uma pós-graduação, é indispensável o certificado de conclusão de graduação. Portanto, se a pessoa já é formada mas está em sua segunda faculdade, pode – neste caso – fazer sua pós-graduação junto.

Desta forma, é permitido que você faça uma pós ao mesmo tempo que a graduação, desde que, esta seja a sua segunda e não primeira formação universitária. Se este não for o seu caso, não desanime e aproveite este tempo para refletir sobre quais especializações fazer depois de formado.

Qual o melhor momento para começar a pós?

A resposta para essa pergunta varia de acordo com cada caso. A primeira reflexão que você deve fazer é sobre o motivo pelo qual você quer fazer uma pós-graduação. Se a sua razão for apenas incrementar o currículo, alto lá! Você estará correndo o risco de perder um tempo valioso em sua carreira.

Procure saber se o curso escolhido atende a um objetivo específico seu, como proporcionar determinada competência que está fazendo falta para você atualmente ou que será necessária em um futuro próximo de acordo com seus anseios profissionais.

A segunda questão diz respeito à sua disponibilidade para assumir o compromisso. É muito importante que você faça uma análise criteriosa sobre o seu tempo disponível, sua disposição para estudar no momento, seus compromissos profissionais e familiares e sua disponibilidade financeira.

Pesquise sobre cursos de Educação a Distância (EAD). Além de serem bem menos caros, esses cursos podem neutralizar uma série de obstáculos como falta de tempo (já que não existem aulas presenciais com hora e local definido e você estuda no horário mais conveniente para você) e sem abrir mão da qualidade. O certificado emitido por cursos EAD é exatamente o mesmo dos cursos presenciais não havendo qualquer distinção quanto a modalidade. Afinal os critérios de avaliação do MEC são exatamente os mesmos.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nome *